Museu da estância sanatorial do Caramulo pode abrir ainda este ano

Junho 30, 2021 | Cultura

O Município de Tondela, em parceria com a junta de Freguesia do Cuardão, pretende inaugurar, ainda em 2021, ano em que se assinala o centenário da criação da estância, o futuro Museu da Estância Sanatorial do Caramulo e Centro Interpretativo. O investimento no projecto museológico ronda os 400 mil euros, montante comparticipado em 115 mil euros na sequência de uma candidatura apresentada à ADICES e que conta com um reforço da Câmara de mais de 180 mil euros.

“O nosso propósito é que tudo seja feito para que este ano fique concluída a obra do edifício histórico do antigo posto de turismo para que se instale e funcione neste espaço o Museu da Estância Sanatorial do Caramulo e Centro Interpretativo, na Serra do Caramulo”, sublinha o presidente da Câmara Municipal, José António Jesus.

O projecto de requalificação do antigo posto de turismo, para espaço museológico, vai agora a concurso. Depois, tudo dependerá da disponibilidade da empresa que ganhar para a concretização da empreitada”.

Para além da reconstrução do espaço físico, o projecto assenta ainda na investigação e recolha de vestígios de ordem social e científica, desde os primórdios da estância sanatorial, há um século, até ao seu apogeu. “Será como que uma porta de entrada de acolhimento”, explica o autarca, para quem o espaço museológico e o centro interpretativo “são como que uma visita de enquadramento àquilo que é possível encontrar na estância sanatorial do Caramulo”

Desenvolvido em parceria com a Junta de Freguesia do Guardão e entidades, como o Centro de Interpretação da Serra do Caramulo, o projecto museológico é assumido como “ um elemento estrutural que reforça muito a estratégia turística de atração e de capacitação do território”.

O objetivo nuclear, conclui José António Jesus, “passa pela capacitação e potenciação daquilo que são os ativos locais e nós queremos posicionar o Caramulo como um espaço privilegiado no âmbito do turismo tanto da saúde, da natureza e da aventura, mas necessariamente também centrado nos espaços mais emblemáticos da Serra do Caramulo, que passa muito por esta dimensão cultural”.

Para assinalar o centenário da estância sanatorial, também o Museu do Caramulo está a promover uma exposição de objectos, registos e memórias, a inaugurar este ano e para a qual espera receber contributos.