«O Longe Faz-se Perto» no Centro Hospitalar Tondela Viseu

Maio 8, 2020 | Sociedade

 

“O atual contexto de emergência de saúde pública decorrente do novo Coronavírus SARS-CoV-2, gerador da doença COVID-19, obrigou à adoção de medidas excecionais, designadamente a interdição das visitas aos doentes internados. Considerada uma medida fundamental tendo em vista a limitação da propagação da doença em contexto hospitalar, cria, contudo, constrangimentos àquela que é uma das principais formas de expressão social de apoio”, sublinha, em nota de imprensa, o Centro Hospitalar Tondela-Viseu.

Nesta perspetiva, too CHTV acaba de implementar metodologias alternativas que permitam, de algum modo, minimizar o impacto da suspensão deste momento privilegiado de contacto entre os doentes e as pessoas mais significativas.

Para isso foi posto em prática o projeto “o longe faz-se perto” de modo criar um canal privilegiado de contacto entre o utente internado e a pessoa de referência e assim poder minimizar o afastamento físico e emocional dos nossos doentes com a família ou pessoas mais próximas.

O projeto tem o apoio da ALTICE Portugal, que cedeu gratuitamente 25 Tablets e respetivos cartões de acesso à internet, e permite aos doentes internados contatar os familiares através de uma videochamada, com o apoio das equipas de enfermagem, que se encarregam de dinamizar a concretização da chamada, combinando antecipadamente o horário e dando todo o apoio necessário ao doente internado na realização da mesma.