Festival literário «Tinto no Branco» vai ter a melhor edição de sempre

Novembro 20, 2017 | Sociedade

A terceira edição do Festival Literário de Viseu «Tinto no Branco», integrado no evento enoturístico «Vinhos de Inverno», a decorrer no Solar do Vinho do Dão de 1 a 3 de Dezembro, promete ser “a melhor de sempre”. Tem como ingredientes os encontros da literatura com os néctares, os duelos, e o confronto de pontos de vista, preferências e culturas. A abrir, sentados à mesma mesa, dois grandes nomes do humor: Michael Palin, o famoso comediante dos «Monty Python, e Ricardo Araújo Pereira. «E agora para algo completamente diferente», é o mote para um frente-a-frente inédito entre os dois humoristas.

Durante três dias, o salão “Vinhos de Inverno” trará à cidade de Viriato um salão de néctares do Dão, com a presença de 40 produtores, que volta a ter por companhia conversas literárias, contactos com três dezenas de escritores, espetáculos musicais e performances, no solar quinhentista de Dom Miguel da Silva. A organização, cometida ao Município e à Viseu Marca, espera uma afluência de 6.000 visitantes

Na edição deste ano, o «Tinto no Branco» constrói a sua narrativa em torno de duelos, de frente-a-frente em conversas que confrontam temas como a ciência e a religião; poesia e prosa; campo e cidade; ócio e trabalho. “Teremos em Viseu uma inédita e singular concentração de grandes nomes da literatura, grandes vinhos e alguns nomes emergentes da música”, garante o vereador da Cultura, Jorge Sobrado.

Ao todo, o evento inclui, ao longo de mais de 50 horas, 30 momentos de programação, desde exposições, performances, visitas guiadas e ateliês infantis. Entre os convidados estão já confirmados os nomes de Pedro Mexia, Francisco José Viegas, Frei Bento Domingues, Nuno Júdice, Afonso Cruz, Daniel Oliveira e Fernando Dacosta.

“É uma oferta que preenche uma lacuna na área da literatura para a comunidade. É também um «cocktail» atractivo para o turismo cultural e qualificado”, conclui Jorge Sobrado.

Os concertos das noites do «Vinhos de Inverno» contam com as presenças de Benjamim, dos Virgem Suta, e dos viseenses Francisco Cappelle, Adfectus, Tempo Singular, para além dos dj Gryzler e António Arede.

“Esta é, indiscutivelmente, a melhor edição de sempre do «Tinto no Branco», com Viseu a assumir e reforçar o estatuto de cidade cultural e destino vinhateiro”, reconheceu em conferência de imprensa o presidente da Câmara Municipal de Viseu, Almeida Henriques, para quem o Festival, “com um padrão de qualidade acima da média” coloca Viseu “ao nível do que melhor se faz do ponto de vista internacional.

Na gastronomia e no artesanato regional, o destaque vai para a nova cozinha residente no Solar, o «QB Events», com a assinatura do chef Luís Almeida. Disponível e em permanência estará também o espaço «Dão Petiz», e a tenda dos Jardins com bar e um palco para concertos.

O «lado B» de Viseu estará também presente no «Vinhos de Inverno», com as visitas literárias «Viseu Misteriosa». Além de um primeira récita no dia de abertura, estão também programadas duas visitas com encenação teatral do Teatro AFTA, que antecedem e abrem o apetite para o «Tinto no Branco», a 24 e 25 de Novembro.

© 2013 Jornal Via Rápida Press. Todos os Direitos Reservados.