Escola Secundária Viriato comemorou 32 anos

Novembro 8, 2017 | Educação

A Escola Secundária de Viriato assinalou mais um aniversário – o 32º -, que teve como ponto alto a homenagem prestada a antigos e actuais alunos, professores e funcionários que, pelo seu trabalho e dedicação, contribuiram para a valorização do ensino ministrado neste estabelecimento de ensino. Uma homenagem extensiva, pela primeira vez, à turma cujos alunos tiveram menos problemas disciplinares ao longo do último ano lectivo, que recebeu, por isso mesmo, o prémio «fair play».

“Os 32 anos que hoje celebramos, permitiram-nos construir esta diversidade de antigos e actuais alunos, e do seu corpo docente e não docente. Diversidade essa que assumimos como a verdadeira identidade desta Escola”, sublinhou o director Pedro Ribeiro, numa sessão solene que contou com a presença de Cristina Brasete, naquela que foi sua primeira representação enquanto vereadora da Educação no novo executivo da Câmara Municipal de Viseu.

Na cerimónia foram distinguidos professores e funcionários que completaram 25 anos de serviço no Secundária Viriato; atribuídas classificações de mérito no 3º ciclo do ensino básico, no secundário, no ensino profissional e nas provas artísticas e desportivas. A que se juntaram ainda os alunos que, reconhecidamente, e “apesar das dificuldades”, conseguiram com “heroísmo e sacrifício, vencer as adversidades”. E aqueles que se destacaram, “em termos de atitudes e valores”, em projectos de solidariedade.

“Penso que estamos no bom caminho”, congratulou-se Pedro Ribeiro que justificou este sentimento com o facto de no final do último ano lectivo, 96 por cento dos alunos da Viriato terem entrado no ensino superior, “maioritariamente na primeira opção pretendida”. A que acresce, concluiu o director, a reputação grangeada pelos alunos dos cursos profissionais ministrados nesta Escola, nas empresas e organizações onde estagiam, demonstrando que a Escola “consegue uma forte ligação com a comunidade local e o mundo empresarial”.

Apesar do “muito” que já conseguiu, Pedro Ribeiro não escondeu que a Escola quer ir mais além, continuando a privilegiar “a abertura, o empenho e a determinação em trabalhar para construir uma escola melhor, contribuindo assim para o progresso da cidade e da comunidade em que encontra inserida”.

© 2013 Jornal Via Rápida Press. Todos os Direitos Reservados.