Plataforma «Viseucompr´aqui» traz novo fôlego ao comércio local

Junho 4, 2020 | Economia

Está já no terreno a plataforma de comércio electrónico «VISEU COMPR´AQUI». Lançado pelo Município de Viseu, o projecto visa promover e apoiar o relançamento e a transição digital do comércio local no actual contexto. E baseia-se numa parceria inédita com os CTT através da aplicação móvel «CTT Comércio Local». A Associação Comercial, a AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, e a Viseu Marca são parceiros no projecto. O portal «Centro Market (antigo «Viseu Shop») é o parceiro de divulgação do «VISEU COMPR´AQUI».

Apresentada no átrio da Câmara Municipal de Viseu, e apadrinhado pela ministra da Coesão do Território, Ana Abrunhosa, a plataforma «VISEU COMPR´AQUI» traduz-se, em termos práticos, na criação de lojas online para os produtores e empresários locais aderentes, e pretende ainda criar uma notoriedade regional e nacional para a qualidade e a acessibilidade da oferta local da cidade de Viriato. “Trata-se de dinamizar e dar uma segunda pele ao comércio local num momento que já de si era muito crítico, agora agravado pela pandemia”, justificou Jorge Sobrado, vereador do Turismo na Câmara Municipal e director da Viseu Marca.

A parceria com os CTT resulta, segundo Sobrado, da capacidade tecnológica adquirida pela empresa no domínio do comércio digital, associada à rede de serviços de logística e entrega, instalada em todo o território nacional, com uma proposta de custo muito acessível no contexto dos «marketplaces».

O Município de Viseu, por via deste acordo, garante a gratuitidade da primeira anuidade de todos os produtores e comerciantes aderentes. “Esta é uma oportunidade de ouro para a transição digital do pequeno comércio e dos produtores de Viseu. Um trampolim para uma economia local mais aberta e inovadora”, reforçou o presidente da Autarquia, Almeida Henriques.

Os comerciantes aderentes devem aceder ao site do projecto, em www.viseucompraqui.pt, bastando para tal preencher o formulário disponível na área «QUERO VENDER» onde, progressivamente, os consumidores terão acesso ao directório de lojas e de produtores locais. Na fase de adesão, o apoio é garantido pela Viseu Marca. Também na loja do turismo municipal está disponível um ponto de apoio para os mesmos aderentes, nomeadamente para o carregamento de informações nas lojas digitais que vierem a ser criadas na fase de lançamento.

Para Gualter Mirandez, presidente da Associação Comercial do Distrito de Viseu, esta é uma ferramenta que peca por tardia devido à resiliência de alguns comerciantes ao comércio electrónico, e que “gostaria muito que tivesse acontecido não no actual contexto da pandemia”, concluiu.

Jorge Loureiro, vice-presidente da AHRESP, preconiza, para o êxito do projecto, que seja mantida esta capacidade de organização. “É uma plataforma muito bem vocacionada para sectores fundamentais que afirmam Portugal como o grande destino turístico que é. Atrás deste primeiro passo, tudo virá depois por arrasto”, vaticinou o responsável.

Na vertente do utilizador da plataforma «Viseu Compr´aqui, quem descarregar a APP «CTT Comércio Local», disponível na APP Store e na Google Pay, vai poder aceder às lojas online criadas e, assim, realizar as suas compras a partir de casa, com comodidade, segurança e facilidade. A APP assegura a transacção comercial /bancária, e disponibiliza serviços logísticos e de transporte.

“O Comércio de Viseu na palma da sua mão”, é o slogan e a mensagem do projecto.