Percurso de piscinas de água quente nas Termas do Carvalhal

Fevereiro 9, 2021 | Economia

O Município de Castro Daire assinou o contrato de financiamento com o Turismo de Portugal, assinaram um contrato de financiamento para a construção de um Percurso de Piscinas Termais Exteriores de Água Quente nas Termas do Carvalhal. A elaboração do Projeto de Execução está em curso, estimando-se que dentro de cerca de 45 dias, estejam reunidas as condições de avançar com o procedimento concursal para a respetiva empreitada.

Denominado “Piscinas Naturais – Termalismo na Natureza” o projeto já foi apresentado às diversas instâncias nacionais do setor do turismo e do setor termal, nomeadamente, ao Turismo do Centro, Turismo de Portugal, Termas Centro, Associação das Termas de Portugal, Secretaria de Estado do Turismo e ao Ministério da Coesão Territorial. “Recebeu de todas elas, pelo seu enorme potencial e qualidade, uma grande aceitação e uma enorme confiança no seu sucesso”, congratula-se a Autarquia em comunicado.

Com um investimento estimado de cerca de 750 mil euros, o projeto integra um percurso de três piscinas termais de água quente, localizadas e enquadradas num espaço com condições naturais fabulosas, adjacente ao atual Balneário Termal que também vai ser intervencionado. Este percurso culminará nos moinhos de água existentes, atualmente em ruínas, e que vão ver recuperados e convertidos em SPA.

Comparticipado em 300 mil euros, a fundo perdido, pela Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior, do Programa Valorizar, o projeto insere-se “numa tendência internacional de integração do termalismo em espaços naturais, ambientalmente sustentáveis, com uma vertente lúdica e que permitirá ainda rentabilizar o potencial natural e geotérmico das Termas do Carvalhal.

“Trata-se de um projeto de grande importância para Castro Daire, mas, por ser inovador em Portugal continental e diferenciado no setor termal, será muito importante, também, para a Região Centro”, sublinha a nota de imprensa.