«Picto Artefacto de Molelos» vence concurso de ideias em Tondelas

Janeiro 5, 2021 | Cultura

«Picto Artefacto de Molelos», um projeto apresentado pelo trio João Dias, Luís Belo e Rui Macário, é o grande vencedor do concurso de ideias para o monumento ao oleiro, que irá nascer na rotunda do nó do IP3 de Molelos. Lançado há um ano pela Câmara Municipal de Tondela, o concurso contou com a participação de 16 concorrentes, sendo que só 14 chegaram à fase final do processo.

O segundo lugar foi atribuído ao projeto “Ancestralidade”, apresentado por uma equipa de cinco elementos, liderada por Gisela Faria.

Foram ainda atribuídas cinco menções honrosas, aos trabalhos intitulados: Amalga, Soenga, Saber Queimar, O Jardim da Soenga e Fogo Ritual.

Recorde-se que este concurso do Município de Tondela realizou-se em parceria com a Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e com a Rede de Cidades e Vilas Cerâmicas

O júri foi composto por um professor da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, um membro da rede de Cidades e Vilas Cerâmicas, dois oleiros de Molelos e técnicos do Município de Tondela.

Todos os trabalhos que estiveram a concurso estão agora expostos no Museu Terras de Besteiros, onde poderão ser apreciados até 13 de janeiro.