Actor e encenador de Viseu nomeado para os prémios autores da SPA

Março 20, 2019 | Cultura

O texto «que boa ideia, virmos para as montanhas», de Guilherme Gomes, membro-fundador da companhia Teatro da Cidade, e nascido em Viseu, está nomeado para o prémio Autores, da Sociedade Portuguesa de Autores, na categoria de Teatro – Melhor Texto Português Representado.

Guilherme Gomes nasceu em Viseu, em 1993. Começou a fazer teatro no Teatro Viriato, sob orientação de Graeme Pulleyn. Formou-se na Escola Superior de Teatro e Cinema, e trabalhou com nomes como Luis Miguel Cintra, Jorge Silva Melo, e João Mota. Em 2016 fundou o Teatro da Cidade com Bernardo Souto, João Reixa, Nídia Roque e Rita Cabaço. O grupo tem vindo a apresentar as suas criações desde então, sendo esta a segunda nomeação do Teatro da Cidade nos prémios da SPA (o ano passado, o espectáculo “Topografia”, esteve nomeado na categoria de melhor espectáculo). «Que boa ideia, virmos para as montanhas» já tinha integrado as escolhas do jornal Expresso como um dos melhores espectáculos de 2018.

O percurso do Teatro da Cidade passará por Viseu em 2019, uma vez que a companhia foi contemplada com um apoio do programa VISEU CULTURA para a promoção de acções ligadas ao teatro em Viseu, através do projecto CRETA – Laboratório de Criação Teatral. Juntamente com Nídia Roque, Guilherme Gomes participará na comemoração do Dia Mundial da Poesia, no dia 21 de Março, às 21h30, na Biblioteca Municipal.

© 2019 Jornal Via Rápida Press. Todos os Direitos Reservados.