Termas de Sangemil abriram renovadas e com mais oferta diferenciadora

Abril 11, 2018 | Actualidade

Depois do habitual período de paragem para renovação das instalações, já abriu a época balnear nas Termas de Sangemil, em Lajeosa do Dão, Tondela. Na cerimónia de reabertura, o presidente da Câmara Municipal, José António Jesus, sublinhou a pretensão de continuar a potenciar e valorizar um equipamento que classifica como “um centro de negócio estratégico” para toda a região.

“É sabido que este balneário termal, ao longo dos últimos anos, evidencia sinais de exploração que são negativos: não é novidade. São negativos na exploração financeira, mas não deixa de ter um impacto social e económico que lhe está adjacente”, referiu o autarca, para quem, a execução de novos furos de captação é uma questão “nuclear”.

Assumindo a necessidade e a preocupação na “valorização permanente” da estância termal de Sangemil, como forma de “potenciar ainda mais” o equipamento, o presidente da Câmara Municipal de Tondela informou os jornalistas de que, “depois de um trabalho intenso dos serviços, com técnicos especializados da Universidade de Coimbra, já está concluído o estudo que localizará os novos e “necessários” furos de captação que, segundo esse estudo, terão uma profundidade três vezes superior aos que hoje existem”, acrescentou.

Aprovada está também a candidatura que irá permitir, finalmente, a tão desejada remodelação do edifício termal de Sangemil. Nomeadamente ao nível da autonomia energética e de uma intervenção estrutural em todo o equipamento electromecânico, que já vem da década de 90. Ponderada está também a ser a utilização do segundo piso do balneário, “na área do tratamento termal ou, eventualmente, na área do alojamento”.

As Termas de Sangemil têm como primeira indicação terapêutica as patologias do foro reumatológico e algumas patologias músculo-esqueléticas como osteoartrites e espondiloses.

Como segunda indicação, destinam-se ao tratamento de patologias das vias respiratórias superiores (ORL), como sinusites, faringites, amigdalites, rinites, entre outras.

© 2013 Jornal Via Rápida Press. Todos os Direitos Reservados.